quinta-feira, 1 de abril de 2010

Vacina H1N1

Estamos vacinados. Eu, Fabio e Mariana. Debates à parte, entre pecar por ação ou omissão, opto pela ação. Ano passado uma funcionária do escritório onde trabalho teve a gripe. Justamente a pessoa que fazia e servia nosso café. Lavava nossos copos e trazia nossa água. Bastante risco de transmissão. Não gosto nem de lembrar do pânico de ter contraído a gripe e, pior, muito pior, poder transmiti-la à Mariana, que tinha apenas 11 meses. Tive que ficar isolada dela por alguns dias e usar máscara alguns outros, até que o risco de contágio estivesse descartado. Não gosto nem de lembrar daqueles dias de preocupação. Agora existe a vacina. Se os malefícios da vacina são incertos, certos, bem certos, são os malefícios da gripe. Entre o certo e o duvidoso, não preciso nem dizer por qual optei.
Até agora, todos sem efeitos colaterais.

Atualização: não tivemos nenhuma reação. Senti uma certa moleza no dia que tomamos a vacina, mas pode ter sido só sono mesmo. E o braço doeu um pouco no dia seguinte. Nada mais. Mariana não teve nada. Nada mesmo. Nem se queixou, nem ficou chatinha, nem nada.

12 comentários:

  1. Patrícia,

    Concordo com você. Mas hoje fomos ao Posto de Saúde e a vacina tinha acabado.

    Amanhã tentaremos em outro local. Vamos ver se temos melhor sorte.

    Beijão e boa Páscoa!

    ResponderExcluir
  2. As pessoas estao acordando para a realidade: que a gripe é branda, que a vacina nao é tao segura quanto a OMS e o ministério da saúde afirmam e que os laboratórios farmaceuticos tiveram grande influencia sobre a OMS para diminuir o criterio para proclamar a pandemia nível 6 e a recomendacao para vacinar todos os países.


    Foi comprovado que nos países que nao vacinaram nao houve mais mortes do que naqueles que se vacinaram:

    http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/diario-digital-de-portugal-gripe-ah1n1.html

    "Houve uma manipulação e uma encenação por parte da OMS", acusou a eurodeputada ecologista francesa Michèle Rivais, que disse que a gripe A foi "a crônica de uma pandemia anunciada sob a qual se esconderam interesses econômicos da indústria farmacêutica".

    A ministra polaca da Saúde, Ewa Kopacz, sublinhou que os governos "não devem ser reféns dos laboratórios", explicando que a Polónia decidiu recusar encomendas de vacinas contra a pandemia por causa das condições impostas pela indústria, que pareceram "pelo menos duvidosas".

    Kopacz referiu que os laboratórios recusaram assumir responsabilidade por quaisquer efeitos nefastos das vacinas.

    A ministra da polonia frisou que não só se registaram menos mortes por causa do vírus H1N1 do que por causa da gripe sazonal, como os países que não fizeram campanhas de vacinação não tiveram mortalidade maior.

    Veja tambem:
    http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/opiniao-de-profissionais-altamente.html

    ResponderExcluir
  3. Lu, mãe do Bruno1 de abril de 2010 11:32

    Patrícia, tbm não quis arriscar a minha vida nem a dos meus filhos. Já tomamos a vacina e estamos bem. Agora é só correr da dengue...
    bjoca.

    ResponderExcluir
  4. Aqui eu e Ciça nos vacinamos e Bernardo espera a vez dele na fila. Não tivemos dúvidas.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. [Cara, esse Emerson é uma praga, né? Invade blogs com sapms, como se não bastassem os zilhões de emails bizarros sobre complôs que circulam por aí... Meda.]

    ResponderExcluir
  6. Paloma,
    nós todos nos vacinamos porque Fabio é profissional da saúde, Mariana está na idade e eu, infelizmente sofro de doença renal crônica. Enfim, acho que é a decisão mais sensata.
    A Revolta da Vacina deve ter começado assim, com Emersons difundindo o apocalipse. Pensei em deletar, mas liberdade de expressão acima de tudo.
    E que cada um faça como achar melhor.

    beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Patricia,

    Vacinei Ana Luísa na semana passada.. e desde domingo ela está super gripada... confesso que estou com medo de ser reação da vacina, pq ela nunca teve uma gripe tão forte.. a pediatra fala que não tem nada a ver, que é só gripe mesmo.. mas estou de coração apertado...
    Eu tomei tb, pq estou na faixa de idade... e o pessoal do SUS foi no meu trabalho, aplicar nos funcionários... confesso que fiquei meio mole a tarde inteira e tb estou gripada...
    Mas concordo com vc.. é melhor pecar pela ação do que pela omissão... mas que estou preocupada com minha pequena, estou...

    ResponderExcluir
  8. Vacinei a Cecília no dia 22/03 e ela nao teve nenhum problema, vou me vacinar no dia 05, espero q eu nao sinta nenhum efeito colateral.

    tb prefiro pecar por excesso nesses casos.
    beijos

    ResponderExcluir
  9. Patrícia, tudo bem? Obrigada pelo conselho lá no blog. A situação se resolveu. O pai foi lá, conversou novamente e pagou apenas o mês que ela estudou. Foi preciso brigar um pouco...uma pena! Ah, deixa seus contatos pra mim. Sempre que preciso de um advogado, não sei a quem recorrer. Meu mail é pgcotes@yahoo.com.br
    Vou te linkar lá no meu blog, pra acompanhar tua história com a Mariana. bjo
    Paloma e Isa

    ResponderExcluir
  10. Beijos e feliz Páscoa!

    Ronise & Alice

    ResponderExcluir
  11. Oi, Patrícia! Primeiro de tudo: parabéns pelo blog e pela maneira simples e carinhosa com a qual vc escreve para sua filha. Também tenho um blog onde escrevo para a minha bebê, desde o início da gravidez. Geralmente, não comento nos blogs alheios, apesar de gostar de passear por este mundo de letras virtuais. No entanto, senti vontade de comentar no seu, talvez porque você escreve diretamente para a Mariana, assim como eu escrevo para minha Maria Luiza.

    Parabéns novamente, pelo blog e, principalmente, pela filha. Mariana é linda. :)

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  12. pois é cada caso é um caso e vc deu muita sorte de ñ ter tido nenhum risco.Pq quem sabe sua consciência iria pesar depois????
    Tenho um filho de 2 anos e por conta propria ñ me vacinei e nem ele, e olha q trabalho na área de saude.Já minha sobrinha teve reação e ficou internada por 11dias q nem tinha um ano ainda.
    Mas Deus sabe o q faz e a gente ñ sabe o q diz.
    valeu

    ResponderExcluir